Radar

A Agência de Segurança Nacional americana coleta milhões de fotos por dia na rede

Publicado em: 04 de junho de 2014

A Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos vem coletando milhões de fotografias pessoais através da espionagem de mensagens de texto, e-mails, redes sociais e videoconferências, segundo reportagem publicada sábado, 31 de maio, no New York Times. A enxurrada de imagens é então processada por sofisticados programas de reconhecimento facial, que detectam rostos numa média de 55 mil fotos por dia.

Enquanto os órgãos estaduais usam fotos das carteiras de motoristas ou mesmo do Facebook para identificar suspeitos, a NSA é a única que pode coletar imagens privadas. Por serem consideradas uma forma de comunicação,  a agência precisaria de uma aprovação judicial para coletar essas imagens, como é preciso para grampear um telefone ou interceptar correspondências.

Mas o sistema pode levar a erros. Em 2011, uma foto de Osama bin Laden foi submetida ao programa de reconhecimento facial: entre os resultados, havia fotos de quatro homens barbados que guardavam apenas ligeiras semelhanças com o ex-líder da al-Qaeda.

A espionagem digital, intensificada durante o governo de Barack Obama, é alvo de piada dos internautas, que coletam imagens do político – geralmente em compromissos oficiais – olhando para telas de computador ou celulares, reunidas no tumblr Obama está checando seu email.

 

Tags: , , , ,