“Mestres de cerimônias”, de Bárbara Wagner

(Brasília/DF – 1980)

Mestra em artes visuais pelo Dutch Art Institute (Holanda) em 2011, sua prática em fotografia está centrada na representação do “corpo popular”, suas manifestações históricas, estratégias de visibilidade e subversão dentro da indústria cultural e de consumo contemporâneas.

No projeto Mestres de cerimônias 2015-2016 a artista documenta a combinação de realidade e fantasia que envolve a vida dos jovens MCs dos movimentos de Brega Funk e Funk Ostentação.

Quando MCs, DJs e bailarinos saem dos bailes de periferia e ganham o mainstream através de videoclipes feitos exclusivamente para as redes sociais, uma forte e lucrativa cultura de fãs e seguidores online consolida uma dinâmica de apropriação de símbolos de status historicamente pertencentes às classes dominantes. Acompanhando a produção das principais gravadoras de videoclipes do gênero a fim de documentar os gestos e cenas que constroem a cultura do MC nas duas capitais brasileiras, Bárbara revela essa economia de desejos por visibilidade, consumo e celebridade nunca antes experimentada no país.

<em>Bin Laden</em>, 2016

Bin Laden

WG

Jessica

2K (Kaike)

2K (Kaike)

Cassiano

Joãozinho

Afala e Case

Bele

Patrão é patrão

Gleice

Kelly e Kaio

Mical

Tamires

Jessica

Neguin do Charme

Cego

Léo da Lagoa

El Loco

Veríssimo da Prata

///