Radar

Por que a capa da “Time” sobre Trump é uma obra subversiva de arte política

Jake Romm Publicado em: Thursday December 15th, 2016

  • zanelli

    excelente!

  • Daniel Ambooleg

    Acho interessante tb comentar sobre a sombra projetada. A luz projetada no rosto de Trump resultaria numa sombra que se inicia no canto inferior direito da capa (inclusive dá pra ver o inicio dessa sombra). Ja a sombra atras da letra T, que apesar de ter uma silhueta semelhante com a de Trump, não é de Trump. Dá a idéia de alguém por tras de Trump, em pé. Talvez o dono dessa sombra seja o real homem do ano.

    • Jesus não está voltando

      Realmente, essa sombra não é de Trump. Pela condição do momento, a luz que “flagra” Trump vem de suas costas, e o fundo escuro jamais projetaria uma sombra ali, mesmo que houvesse um contra-luz frontal. E esse é um detalhe que parece passar despercebido por Jake Romm, o fundo escuro traz uma atmosfera de incertezas e maus presságios. De quem seria a sombra ? Penso que ela é a sombra do american way of life, ou seja, todos ou tudo aquilo que Trump representa – ou o representou no momento do voto.

  • Juliana Arthuso

    Muito interessante!

  • Alexandre Erhart

    Mas e essa letra M fazendo guampinha nele?

  • Jesus não está voltando

    Realmente, essa sombra não é de Trump. Pela condição do momento, a luz que “flagra” Trump vem de suas costas, e o fundo escuro jamais projetaria uma sombra ali, mesmo que houvesse um contra-luz frontal. A luz principal eliminaria qualquer espectro. E esse é um detalhe que parece passar despercebido por Jake Romm, o fundo escuro traz uma atmosfera de incertezas e maus presságios. De quem seria a sombra ? Penso que ela é a sombra do american way of life, ou seja, todos ou tudo aquilo que Trump representa – ou o representou no momento do voto.

  • Excelente, Zum!!

  • Patricia Maciel Bomfim

    só ficou uma pergunta: de onde vem a luz da sombra do donald?